top of page
  • fernandorusso9

Quais as diferenças entre o RH 4.0 e o tradicional e os impactos no setor?

Acompanhando a evolução tecnológica do mercado de trabalho, entendemos a necessidade da digitalização para otimizar os processos. A partir disso, surge uma tendência que vem crescendo muito: o RH 4.0.


Tornar o RH estratégico é uma necessidade que muitas empresas veem para a eficiência dos processos de capital humano. Ou seja, o setor de RH deve trabalhar com ênfase no recrutamento assertivo, no cuidado com a reputação da marca e no apoio à liderança positiva de pessoas.


Ter o RH 4.0 como tendência para a empresa pode ser ótimo para melhorar o desempenho. Além disso, pode gerar benefícios em diferentes etapas do processo de gestão. Agora resta saber do que se trata esse conceito e o que muda na prática.


O que é RH 4.0


O RH 4.0 é uma revolução tecnológica no setor de RH que utiliza tecnologias avançadas na gestão de pessoas, recrutamento e seleção, atração de talentos e todas as demais áreas do setor.


Isso significa que a maioria das funções de RH será automatizada, enquanto novas funções mais estratégicas serão criadas para atrair e reter talentos.


O setor de tecnologia de recursos humanos é uma resposta às mudanças que também estão ocorrendo em outros setores. Por muito tempo, o RH foi percebido como burocrático e atrasado, inconsistente com o restante da sociedade.


Para mudar esse cenário, novas tecnologias estão sendo introduzidas no setor para desenvolvê-lo. Porém, o que ainda causa confusão nesse tema é a aplicação da tecnologia no dia a dia.


Muitos acreditam que o RH na Indústria 4.0 é futurista, quase como um filme de ficção científica. Por outro lado, a tecnologia é mais realista do que parece. Ao invés de robôs e telas holográficas, teremos um setor com complexos softwares integrados, com alta geração e análise de dados, estratégicos e pouco operacionais.


A Indústria 4.0 traz a possibilidade de trabalhar com criatividade de forma mais estratégica e humana. Dentre as revoluções ocorridas, esta é a mais voltada para a gestão de pessoas.


Qual a diferença do RH 4.0 para o tradicional?


Existem muitas diferenças. Para facilitar o entendimento, os dividimos em quatro blocos principais: rotinas diárias, aquisição de talentos, estilo de liderança e uso de tecnologias disruptivas. Então você pode tirar suas próprias conclusões.


Rotinas diárias

Tradicionalmente, o RH tem lidado quase que exclusivamente com a rotina do departamento de pessoal (DP). Ou seja, suas práticas estavam mais ligadas a critérios operacionais e burocráticos, como recrutamento ou relações sindicais.


Por outro lado, o novo RH tem uma forte representação da estratégia em seu escopo. Sua rotina inclui atração de profissionais talentosos, integração, formação de equipes, avaliação de desempenho e acompanhamento de resultados com indicadores.


Aquisição de talentos

Atento a esse contexto agressivo, o RH 4.0 possui uma forte tática de aquisição. Possui campanhas de marketing voltadas para a criação de uma marca empregadora, além de tecnologia para triagem de talentos e garantir que apenas os melhores façam parte da equipe.


Além disso, aumentam o tempo e os recursos dedicados ao processo de seleção. Os líderes sabem que construir uma empresa forte requer ter no conselho as pessoas certas com habilidades específicas e valores alinhados com a cultura da organização.


Estilo de liderança

A gestão de RH 4.0 tem como principal diferencial líderes de equipe que devem entregar resultados pessoalmente e se comprometer com os valores da empresa para serem dignos de seus subordinados. O simples poder posicional que emana da posição não garante o sucesso da liderança.


Além disso, os novos líderes devem se adaptar ao digital. Hoje, muitos processos de gestão (como entrevistas, reuniões e treinamentos) são realizados por meio de plataformas digitais. Um líder deve trabalhar bem com o que há de mais moderno no mercado.


Uso de tecnologia

Vagas de emprego são anunciadas em sites que possuem bancos de currículos de milhares ou mesmo milhões de talentos. Isso facilita a seleção e as chances de encontrar o candidato certo com boas habilidades técnicas e comportamentais.


Existem também tecnologias dotadas de inteligência artificial capazes de automatizar grande parte do trabalho, a exemplo de softwares de seleção que permitem triagem autônoma de currículos. Portanto, o RH de hoje pode ir mais longe com tecnologia de ponta.


Quais são as tendências para o futuro?


O setor de recursos humanos tem sido um dos que mais se desenvolveu nos últimos anos. Seus novos métodos e tecnologias foram criados para suportar a quarta revolução industrial e para as empresas gerarem resultados exponenciais. No entanto, existem muitas tendências para o futuro, algumas das principais são:


● Maior conexão entre marketing e gestão de pessoas (endomarketing);

● Usando bancos de dados para recrutar talentos;

● Software de inteligência artificial para automação de processos repetitivos;

● Usando big data para tomar as decisões certas;

● Contratação baseada em crenças e valores (fit cultural);

● Redução ou eliminação da estrutura hierárquica (holocracia).


De qualquer forma, agora você está no tópico. Lembre-se que o RH tradicional está ultrapassado e não garante atração e retenção de talentos, muito menos alcançar grandes resultados no mercado. Por isso, é preciso investir no que há de moderno e projetar o RH 4.0, adaptado à realidade atual.


Saiba mais sobre a GRS + Núcleo

Se quiser saber mais sobre nossos serviços, acompanhe-nos nas nossas redes sociais e entre em contato conosco: nossos especialistas guiarão sua empresa rumo a tornar-se uma referência de saúde e qualidade de vida para os colaboradores.

11 visualizações0 comentário
bottom of page