Buscar
  • fernandorusso9

Programas de saúde para as empresas são efetivos?

Atualizado: 2 de mar.

Um dos grandes desafios para qualquer empresa é garantir o bem-estar dos colaboradores, por isso os programas de saúde para as empresas são de extrema importância para lidar com todas as etapas de saúde e segurança dos empregados.


Além das questões mais comuns como exames ocupacionais, admissional e demissional, a jornada de ações para garantir melhores condições de trabalho, reduzir os riscos de acidentes e evitar doenças ligadas à função ou ao ambiente de trabalho são muito mais complexas.


Neste artigo, vamos aprofundar mais sobre:

  1. O que são os programas de saúde?

  2. Qual o atual cenário dos programas de saúde nas empresas?

  3. Qual a efetividade de contar com programas de saúde?

  4. Conte com a GRS+Núcleo

Continue a leitura!


LEIA TAMBÉM: Saúde e segurança ocupacional

Invista em ações quem promovam um estilo de vida mais ativo e saudável para seus funcionários.

O que são os programas de saúde para as empresas?


Criar e desenvolver esse modelo para as empresas têm como missão promover ações de saúde ocupacional e um programa de prevenção a incidência de doenças crônicas e outros males que podem comprometer o bem-estar dos funcionários e a sua produtividade na empresa.


Para executar esse tipo de atividade e conseguir desempenhar resultados impactantes nos setores corporativos, as empresas estão contratando profissionais especializados em saúde empresarial para trabalhar em parceria com o departamento de RH.


A estruturação de programas internos nessa área da saúde e bem-estar são focadas na conscientização e na busca por promover um estilo de vida mais ativo e saudável. Vale destacar que esse modelo de estratégia, além de promover soluções para a saúde dos colaboradores, também deve concordar com o planejamento e cultura das companhias.


Cada vez mais as empresas estão destinando tempo, investimento e atenção especial a essa solução, que tende a colher muitos frutos, como:

  • Empregados mais motivados.

  • Melhorias no vínculo entre empresas e colaboradores.

  • Diminuição do índice de funcionários com problemas de saúde.

  • Aumento no engajamento nas atividades e na cultura da empresa.

  • Maior produtividade.

  • Otimização do clima organizacional.

  • Diminuição da sinistralidade do plano de saúde.

  • Entre outras vantagens.

Além disso, esses são resultados que diferenciam as empresas no mercado de trabalho, bem como onde os grandes talentos e bons funcionários querem trabalhar. São mudanças culturais que fazem a diferença e impactos positivos na vida de todos.


Qual o atual cenário dos programas de saúde nas empresas?

O futuro para os próximos anos é que a maioria das organizações brasileiras devem adotar o otimizar seus programas de promoção da saúde. Segundo o SESI (Serviço Social da Indústria), 200 gestores de indústrias foram ouvidos em pesquisa, sendo que 81% deles disseram que a melhoria contínua dessas iniciativas é a tendência para o seu negócio.

Outra propensão apontada é que 62% dos líderes e gestores indicam que suas organizações devem investir no fortalecimento da gestão e informação de saúde dos colaboradores. Esse processo é visto como ação fundamental para promover investimentos mais assertivos em iniciativas de apoio à saúde do trabalhador.


Essas informações corroboram com o atual cenário: a importância de oferecer soluções que vão além das questões obrigatórias.

Os programas de saúde são voltada para elencar ações preventivas, na proteção dos interesses colaborativos.

Qual a efetividade de contar com programas de saúde?


O presente programa de saúde tem por objetivo estabelecer prioridades de atuação assistenciais ao bem-estar do colaborador, quanto ao fomento de criar práticas e controle da disposição física e mental.


A partir dessa missão constitucional é possível avaliar a efetividade dessa ação. Em planos gerais de atuação, os elementos conceituais mais comuns são:

  • Promover atividades com foco no lazer e saúde, como a ginástica laboral.

  • Contribuir com informações e suporte para ter uma boa alimentação.

  • Foco na ergonomia do ambiente de trabalho.

  • Cuidar da manutenção do clima organizacional.

  • Oferecer um programa de saúde e benefícios voltados para o bem-estar.

Essa programação deve ser voltada para elencar ações preventivas, na proteção de outros interesses coletivos. Muitas organizações estão recorrendo a empresas especializadas em modelos de gestão em saúde empresarial, para atender todas as leis, regras e potencializar suas práticas focadas no bem-estar dos colaboradores e na saúde financeira da empresa.


Conte com a GRS+Núcleo


A GRS+Núcleo atua em concordância com o departamento de recursos humanos das empresas para providenciar as melhores estratégias, planos e programas em saúde, disponibilizando soluções em relação aos sistemas de gestão de risco e demais diretrizes trabalhistas de bem-estar e segurança.

Entre em contato conosco e solicite os nossos serviços em engenharia e segurança do trabalho.


11 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo