Buscar
  • fernandorusso9

Fila da vacina: como se manter otimista com prazos que ficam mais longos a cada dia?

No Brasil, a vacinação da população atingiu até agora apenas 3,5% das pessoas. Tamanho atraso é fruto direto de uma catástrofe de planejamento. Enquanto outras nações já haviam iniciado o processo de imunização no fim do ano passado, o Brasil demorou até o dia 17 de janeiro para começar as aplicações.


Desde 18 de janeiro, início da imunização nacional, foram distribuídas irrisórias 18,4 milhões de doses aos postos de saúde e drive-thrus. Sem a CoronaVac, a situação seria ainda pior.


Os avanços recentes representam um alívio, mas o movimento ainda é insuficiente para garantir o aumento substancial na velocidade de imunização que o Brasil precisa diante da crise.


Sentimentos negativos ativam uma região do cérebro chamada amígdala, envolvida no processamento do medo, da ansiedade e de outras emoções.


Isso não quer dizer que se deve estar sempre otimista para ser saudável e feliz. Claro, existem momentos e situações que naturalmente causam sentimentos negativos mesmo no indivíduo mais otimista.


Preocupação, tristeza, raiva e outros sentimentos ruins têm seu lugar em uma vida normal. Mas ver o copo meio vazio de modo crônico é prejudicial tanto mental quanto fisicamente e inibe a capacidade da pessoa de se livrar dos inevitáveis estresses da vida.


Diante de um problema de saúde, cultivar ativamente emoções positivas pode reforçar o sistema imunológico e combater a depressão. Estudos mostram uma ligação indiscutível entre uma visão de mundo positiva e os benefícios para a saúde, como pressão sanguínea mais baixa, menos doenças cardíacas, melhor controle do peso e níveis mais saudáveis de açúcar no sangue.


Mesmo encarando uma doença incurável, sentimentos e pensamentos positivos podem melhorar muito a qualidade de vida de uma pessoa.


Por isso, a nossa dica é: leia um livro, acompanhe uma série ou um filme mais alegre, converse com amigos e familiares, mesmo à distância, para colocar o assunto em dia. Com cuidado e segurança, faça uma caminhada diária em algum parque próximo à sua casa.


Esses pequenos gestos podem ajudar a manter a sua saúde emocional mais estável até que a sua vez de tomar a vacina chegue. Além do mais, só de ver pessoas mais idosas tomando as vacinas, já renova as nossas esperanças.


E você? O que tem feito para se manter otimista nesse momento pandêmico? Deixe nos comentários! Caso a sua empresa precise de ajuda para cuidar da saúde dos colaboradores, entre em contato com a GRS+Núcleo.


18 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo