Buscar
  • fernandorusso9

5 sinais de que o trabalho pode estar te prejudicando

O estresse e a fadiga por conta do trabalho podem refletir na nossa saúde. Se você sente alguns dos sintomas abaixo ou tem percebido isso em alguns de seus colaboradores, é hora de acender o sinal de alerta e pensar em soluções para o problema.


Afinal, o trabalho é uma parte da nossa vida e precisamos estar bem fisicamente e psicologicamente para desempenhá-lo bem. Ter a saúde afetada por causa do trabalho não é nada saudável. Conheça alguns dos sinais!


1 – Dificuldades para realizar tarefas simples


A síndrome de Burnout, também conhecida como “síndrome do esgotamento profissional”, abrange uma série de sintomas ocasionados pela exaustão extrema, sempre relacionada ao trabalho de um indivíduo. Se você, ou alguém da sua equipe, começar a se esquecer de datas importantes, reuniões ou pequenos detalhes do dia a dia, é bom ficar em alerta. Essa dificuldade de memorização, assim como a dificuldade de se concentrar em tarefas simples do cotidiano podem estar relacionados ao esgotamento profissional.


2 – Cansaço a todo momento


Se assim que você termina o expediente, você sente um esgotamento imenso e só quer dormir nos momentos de folga, algo pode estar errado. É claro que queremos descansar nos nossos dias livres, mas também é esperado que tenhamos desejo de realizar tarefas prazerosas de lazer.


Se você desliga o computador e só quer ficar deitado com a sensação de exaustão emocional, é o momento de rever o que pode estar causando isso.


3 – Problemas de saúde frequentes


Nosso estado mental afeta a nossa saúde física. Pessoas que estão muito estressadas, têm ansiedade, entre outros, podem começar a sentir a imunidade mais baixa, problemas de estômago, dores de cabeça frequentes, coceiras na pele, entre outros.


Na maioria das vezes, os médicos não conseguem chegar a uma origem do sintoma e, por isso, podem estar relacionados com o estado emocional.


4 – Desânimo frequente


Perceba-se: o que você mais faz é reclamar do seu trabalho, do seu chefe ou dos seus colegas de trabalho? Você não vê a hora de dar o horário de ir embora porque não aguenta mais o ambiente? Você se sente desmotivado ou descontente no ambiente de trabalho?


Se a resposta for sim, então é o momento de buscar ajuda.


5 – Não confia em suas próprias capacidades


Se você começa a sentir que não tem valor para a equipe ou que não é reconhecido o suficiente, saiba que este também é um sintoma clássico do burnout.


Pandemia e a saúde mental


Estar vivenciando uma pandemia mundial também não é nada favorável para a nossa saúde emocional. Pessoas que estão passando por todas essas questões no Home Office podem acabar se sentindo ainda mais vulneráveis e frustradas.


Por isso, mais do que nunca, é o momento de olhar para si e buscar o autocuidado. Os líderes precisam fazer o mesmo, não somente para si, mas voltar seu olhar para a equipe e entender que nem todos os dias vamos conseguir dar 100% no trabalho.


Entender as razões do profissional estar se sentindo tão estressado também é fundamental, assim como o apoio para ajudar a lidar com os problemas.


É possível melhorar a situação?


Sim! Reserve um tempo para se divertir com amigos e familiares, mesmo que de forma virtual. Conversar e estar aberto a ouvir sobre as preocupações também é essencial para encontrar soluções em conjunto com o colaborador/com a empresa.


Além disso, é necessário realizar consultas médicas periódicas. Cuidar da saúde mental é tão importante quanto a saúde física.


A GRS+Núcleo oferece atendimento em telemedicina para ajudar os colaboradores neste momento. Entre em contato conosco.


31 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo