Buscar
  • fernandorusso9

Qual a importância da avaliação ergonômica?

Regida pela Norma Regulamentadora Nº17 (NR)-17), a Avaliação Ergonômica do Trabalho (AET) é obrigatória em empresas que contratam funcionários para a realização de trabalhos físicos, manuais ou que causem sobrecarga muscular.


Os fatores que impactam as condições de um ambiente de trabalho são diversos e, consequentemente, a produtividade e o bem-estar dos colaboradores podem acabar sendo afetados.


A avaliação ergonômica é uma das formas mais eficientes de prevenir tais inconvenientes, saneando estações de trabalho de condições inadequadas, execução inapropriada de tarefas, entre outras condições.


Com a realização da avaliação por meio de profissionais capacitados, dentro do ambiente organizacional da sua empresa, é possível identificar uma série de benefícios de longo e de curto prazo, como:


  • Adequação corretiva do ambiente de trabalho e dos respectivos procedimentos adotados;

  • Queda no absenteísmo;

  • Redução no desperdício de matéria-prima;

  • Queda na taxa de retrabalho;

  • Melhora na qualidade de vida das pessoas;

  • Diminuição nos índices de acidentes do trabalho;

  • Aumento da harmonia e produtividade no trabalho.


As ações ergonômicas são um investimento imprescindível para a sua empresa. Através dela, é possível manter bons colaboradores, qualidade de vida e bem-estar para todos e, em contrapartida, aumentar a produtividade e excelência de entrega.


Para conhecer mais sobre as ações ergonômicas ou achar a que melhor se encaixa com a sua empresa, entre em contato conosco.


3 visualizações0 comentário